top of page

Ranking: Confira quem são os vereadores mais atuantes de Altos




O vereador exerce, ou pelo menos deveria exercer, um importante papel na sociedade que é, principalmente, propor, discutir e aprovar leis a serem aplicadas no município, além de acompanhar de perto as ações do executivo cobrando, questionando, fiscalizando e tornando públicas estas atividades para seu eleitorado e ao povo em geral. Com base nos registros arquivados na Câmara de Vereadores de Altos, que são de acesso ao público, decidimos avaliar e classificar o desempenho destes parlamentares entre os anos de 2021 e 2023, os últimos 3 anos. À primeira vista, não é difícil perceber o desempenho de cada um considerando apenas o número de projetos de lei apresentados e, neste caso, projetos e indicativos de projetos de lei individuais ou realizados conjuntamente.




Importante observar que o número de projetos não reflete necessariamente o trabalho, desempenho ou esforço do parlamentar, se considerarmos as atividades denominadas "assistência", "trabalho junto à população" ou mesmo o que para os mais acautelados não passa assistencialismo. Nesse sentido, vereadores que não fedem nem cheiram e sequer abrem a boca numa sessão plenária, são vistos e acolhidos pelo eleitorado por realizarem algum “trabalho” junto à comunidade, trabalho este que vai desde conceder um medicamento ou consulta em clínicas da capital à doação de um caixão para alguém que partiu dessa para melhor, havendo também os que realizam um sem número de requerimentos solicitando de outras autoridades benfeitorias em todo canto da cidade. Queira ou não, a população que muitas vezes, estratégica e propositadamente é desassistida, vê isso como um ato de trabalho, dedicação e heroísmo do parlamentar e tende, por gratidão, a retribuir nas eleições.

Os projetos, por outro lado, são obviamente importantes para o andamento e a harmonia entre poderes e para o desenvolvimento, como o Indicativo 010/21 que “Dispõe sobre a preservação do Patrimônio Histórico, Arquitetônico, Cultural e Natural (...) e institui o Fundo Municipal de Proteção do Patrimônio Histórico, Arquitetônico, Cultural e Natural”, que apesar da importância e embora tenha sido sancionado, não passou do campo hipotético e entusiástico, uma vez que vivemos a gestão do bota a baixo e que nunca o patrimônio mencionado na lei foi tão vandalizado. Mesmo com a importância de projetos de lei como o mencionado acima, é prudente ponderar, haja vista que muitos destes, por outro lado, não possuem relevância alguma ou importam para um público muito restrito como a Lei 025/21 que “consolida e declara outros feriados municipais em Altos” aqueles que já são feriados nacionais tais como 12 de Outubro, Sexta-feira da Paixão e Corpus Christi entre outros. Em outras palavras, trata de dar-se ao trabalho de criar uma lei que reafirma que os feriados nacionais são realmente feriados.

Diante disso, é injusto criar um ranking de vereadores mais atuantes, pois o conceito de atuação é amplo e abrange diferentes pontos de vista. O que para mim pode ser oportunismo, indolência e interesses, para outras pessoas é percebido de maneiras distintas, pois podem se beneficiar individual ou coletivamente dos reboliços dos parlamentares ao longo de seus mandatos. Portanto, se "a voz do povo é a voz de Deus", é Deus quem fala, é Deus quem manda.


Rubens Felix/TV Fiapo

0 comentário

Comentarios


bottom of page