top of page

Preso no Piauí sergipano acusado de extorquir mulheres usando perfil falso de cantor famoso


Reprodução/Internet


Policiais civis da  Delegacia de Turismo (Detur), com apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), cumpriram o mandado de prisão contra um homem de 28 anos natural de Sergipe, mas que estava foragido do estado do Piauí. Ele é investigado por criar um perfil falso para obter fotos íntimas e extorquir as vítimas, conforme apuração da Polícia Civil piauiense. A ação policial ocorreu em Nossa Senhora do Socorro, na Grande  Aracaju, nessa quarta-feira, 29, e foi divulgada nesta quinta-feira, 30.

De acordo com as informações policiais, a investigação foi conduzida pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), de  Teresina (PI)i. Conforme investigação, o suspeito, que é natural de Sergipe, criou um perfil falso, em uma rede social e se passou por Léo Cachorrão, um famoso cantor do Piauí.

Conforme apuração policial, o investigado utilizou o perfil para manter relacionamentos com mulheres da  cidade de Teresina Teresina, capital do Piauí. Assim, ele obteve fotos íntimas delas e, posteriormente, exigiu dinheiro para não divulgá-las. As vítimas foram ameaçadas e efetuaram transferências bancárias para a conta do suspeito.


De posse do mandado de prisão, expedido pelo Juízo da Central de Inquéritos de Teresina, a DRCI passou as informações para a Detur, que, por sua vez, acionou a Dipol. Com as informações sobre o endereço da residência do investigado, a Polícia Civil de Sergipe cumpriu o mandado de prisão. O investigado confessou os crimes.


Fonte: NE Notícias

0 comentário

Comments


bottom of page