top of page

Planos de saúde vão cobrir novos tratamentos contra o câncer

Rol de procedimentos da ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) foi atualizado e agora inclui mais remédios para tumores de ovário e próstata




A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) incorporou ao Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde mais duas opções de tratamento em oncologia: olaparibe em combinação com bevacizumabe, para tratamento de câncer de ovário; e darolutamida em combinação com docetaxel, para tratamento de pacientes com câncer de próstata metastático.


Ambas as tecnologias foram analisadas pela Cosaúde e aprovadas em reunião de deliberação da diretoria colegiada da ANS, em 2 de maio de 2023, tendo cobertura obrigatória, conforme suas diretrizes de utilização, a partir da publicação no Diário Oficial da União em 9 de maio.


Além delas, a RN 577/2023 também prevê para o diagnóstico das pacientes elegíveis ao tratamento com a associação olaparibe e vevacizumabe o teste genético de Deficiência de Recombinação Homóloga – um defeito que pode estar presente no reparo do material genético nessa condição clínica.


Em 2023, esta é a segunda atualização do rol, que conta com terapias, exames, procedimentos e cirurgias, atendendo às doenças listadas na CID (Classificação internacional de Doenças), da OMS (Organização Mundial da Saúde).


Fonte: Estadão

0 comentário

留言


bottom of page