top of page

Menina de 12 anos denuncia estupro cometido pelo próprio tio em Teresina


Foto: TV Clube


Uma menina de 12 anos denunciou o próprio tio por estupro a psicólogos da escola onde estuda em Teresina. O suspeito é um padeiro de 42 anos, irmão da mãe da vítima. A mãe da menina denunciou o irmão à polícia e solicitou uma medida protetiva contra ele. A denúncia ocorreu quando a menina tinha 12 anos, mas ela atualmente tem 13 anos. Estudantes de psicologia foram à escola para ouvir os relatos dos estudantes, e a menina conseguiu relatar a violência sofrida. Após o início do acompanhamento psicológico, a menina contou detalhes dos estupros à mãe, que então procurou a polícia e denunciou o caso. A menina, que agora precisa de medicação psiquiátrica, desenvolveu uma depressão profunda e se sente culpada pelo que aconteceu. A mãe também está deprimida e se afastou da família após a descoberta da violência sexual sofrida pela filha. A mãe sempre foi atenta ao assunto e tentou proteger a filha, mas não esperava que o autor do crime fosse seu próprio irmão. O caso foi denunciado em 2023, mas o suspeito ainda não foi preso. Após uma nova aproximação do irmão, a mãe procurou novamente a polícia e solicitou uma medida protetiva. Medidas protetivas são providências garantidas por lei às vítimas de violência doméstica, com o objetivo de garantir sua proteção e a de sua família. A vítima pode solicitar essas medidas por meio da autoridade policial, do Ministério Público ou da Defensoria Pública


Fonte: G1

1

.

0 comentário

Commentaires


bottom of page