top of page

Médico bate boca com pacientes em hospital no Piauí e dispara: “se frescar, não atendo ninguém”

O diretor de hospital afirma que profissional não faz parte dos quadros da unidade e que estava tirando plantão de um colega



Está circulando nas redes sociais um vídeo em que um médico que estava atendendo no Hospital João Luiz de Moraes, na cidade de Demerval Lobão, no Piauí, discute com alguns pacientes que esperavam atendimento no local. O caso aconteceu por volta das 13h desta quinta-feira (26). Ele foi identificado como Jelson Rui Piaulino Lima.


Durante a briga ele fala que a situação é uma “putaria” e que se os pacientes “frescassem” ele não atenderia mais ninguém. O médico, com a voz alterada, fala para os pacientes que atenderá apenas urgências e emergências no local. No vídeo é possível ver uma criança e idosos presenciando a cena.


Nas imagens é possível ver o médico discutindo diretamente com uma mulher, que rebate suas falas. Ele diz que o hospital atende apenas urgência e emergência e fala ainda, de forma irônica, para ela atender outras pessoas que estavam passando mal em seu lugar. “Você, não é médica, eu que sei a prioridade dessa po**a aqui”, disse.


O diretor do hospital, Geraldo Júnior afirmou que o médico foi afastado imediatamente após a diretoria ficar ciente do caso. Ele contou ainda que o médico não faz parte dos quadros da unidade hospitalar e que estava no local assumindo o plantão de outro profissional que ficou doente.


“Ele é um plantonista que não é do quadro da escala, mas está assumindo um plantão por ocasião de um fato que aconteceu com um outro médico, que estava adoentado e não pôde vir. Ele estava adoentado e enviou esse médico para assumir o plantão por ele hoje. Tão logo tomamos conhecimento do fato, solicitamos imediato afastamento do médico do plantão e ja solicitamos as medidas cabíveis que couberem”, explicou o diretor.


Geraldo Júnior contou ainda que a diretoria não sabe ao certo o que teria acontecido, pois o afastamento do médico foi imediato. Segundo Geraldo, o médico dará explicações quando as medidas cabíveis solicitadas pela diretoria forem cumpridas. “Quando a gente incorrer nas medidas é que ele vai explicar o que aconteceu, até o momento ele não explicou porque a gente solicitou o imediato afastamento”.



Fonte: A10+

0 comentário

Comentários


bottom of page