top of page

Filho de delegado acusado de agredir namorada é solto em Teresina

Matheus Vitor da Silva Alencar é acusado de agredir brutalmente a própria namorada, a estudante de Direito Victória Soares.





Matheus Vitor da Silva Alencar, empresário e filho do delegado Sérgio Alencar, foi posto em liberdade na manhã desta terça-feira (06). Ele é acusado de agredir brutalmente a própria namorada, a estudante de Direito Victória Soares. A decisão foi confirmada ao Meionorte.com pela advogada dele, Arielly Pacífico.


O empresário estava preso desde o dia 12 de maio de 2023, quando foi flagrado pela Gerência de Polícia Especializada, entrando em uma farmácia próxima à casa de familiares. Ele foi conduzido ao 12º Distrito Policial e em seguida encaminhado para o Instituto de Medicina Legal (IML).

“Por mim foi protocolado um pedido de revogação da prisão preventiva por entender que a prisão cautelar não pode constituir condenação prévia e que caberia uma reanálise da necessidade da referida prisão tendo em vista: a conclusão do inquérito policial; a primariedade do acusado e a possibilidade de adoção de medidas cautelares diversas da prisão”, explica a advogada de Matheus, Arielly Pacífico.


Segundo a Defesa, a Justiça acatou o pedido mencionado acima e decretou a liberdade de Matheus Vitor da Silva Alencar nesta terça-feira (06). “O poder judiciário, por sua vez, acatou tal pedido, bem como, sua respectiva fundamentação”, completa a advogada.


Após ser preso, Matheus Alencar foi realocado para uma cela especial no 12º Distrito Policial de Teresina, a pedido de sua defesa. O pedido teria se dado mediante a repercussão do caso e por Matheus ser filho de delegado, em que poderia sofrer retaliações por parte de outros detentos.


A arma de Matheus também foi apreendida e conforme o delegado Tales Gomes, o pai de Matheus, delegado Sérgio Alencar, colaborou 100% com a ação da polícia.


“Ele nos acompanhou até o 12º DP e todo tempo dizendo para o filho colaborar. A postura do colega foi totalmente profissional", disse.


RELEMBRE O CASO


No dia 11 de maio de 2023, a estudante de Direito Victória Soares, de 23 anos, foi agredida brutalmente pelo namorado, o empresário Matheus Vitor da Silva Alencar, no apartamento da jovem, localizado no bairro São João, zona leste de Teresina.


Em relato ao repórter Kilson Dione, do Bom dia Meio Norte, Victória contou como era o relacionamento com o namorado, falou sobre o forte ciúmes que ele sentia e que tentava se apegar nos momentos bons e que romantizou os sinais de abuso.


"No início eu romantizei os sinais, eu pensei que era amor, não, ele é ciumento, ele mexe no meu celular escondido, colocou um localizador no meu celular, ele se trancava no meu quarto com meu celular e me deixava do lado de fora, e eu pensava, não, é porque ele tá gostando, né. Era uma pessoa fofa comigo e às vezes que ele me tratava mal eu tentava me apegar nos momentos fofos, só que foram piorando, teve um aniversário, que ele me tirou à força do local às pressas e eu puxei minha amiga para dentro do veículo, ele me agrediu dentro do veículo, em menos de um mês eu fui agredida duas vezes e hoje eu pensei que fosse morrer, ele derrubou a porta do meu apartamento, então hoje eu percebi que não é amor, isso é doentio, mas antes eu ficava pensando que era só um ciúme e eu via ele como uma pessoa perfeita", disse a estudante na época.


No dia seguinte, 12 de maio, o empresário foi preso em uma ação desenvolvida pela Gerência de Polícia Especializada, que localizou Matheus na região do bairro Planalto Ininga, sendo realocado para uma cela especial no 12º Distrito Policial de Teresina, a pedido de sua defesa.

Fonte: Meio Norte

0 comentário

Comentarios


bottom of page