top of page

Cuidado: Mais de 600 amputações de pênis por ano acontecem no Brasil

A Sociedade Brasileira de Urologia alerta que o Brasil enfrenta mais de 600 amputações de pênis anualmente, principalmente devido ao câncer de pênis. Nos últimos 10 anos, foram registradas mais de 6 mil amputações, sendo três em cada 10 casos associados a câncer grave. A prevenção, destacada pela SBU, envolve hábitos de higiene e vacinação contra HPV.



O diagnóstico precoce é crucial, pois o tratamento nessa fase permite uma abordagem menos invasiva, evitando a amputação. A falta de informação contribui para diagnósticos tardios, sendo essencial estar atento a sintomas como feridas não cicatrizantes, secreção com odor forte, mudanças na pele da glande e nódulos na virilha. A desinformação e a falta de busca por especialistas são fatores determinantes para o elevado número de amputações, conforme ressalta o urologista Maurício Dener Cordeiro. A higiene diária, especialmente em casos de fimose, é crucial para prevenir infecções que podem levar ao câncer de pênis. A infecção pelo HPV também é um fator de risco, e a vacinação é recomendada.


Fonte: Estadão

0 comentário

Comentários


bottom of page