top of page

10 dicas de como se portar em uma entrevista de emprego

Questionamentos sobre salário, último emprego e pontos fracos podem ser entraves determinantes para a contratação



Quando você define sua carreira e a faculdade em que vai estudar, inicia o caminho que vai terminar na concretização da sua vida profissional. É durante a faculdade que começam a aparecer as oportunidades de estágio e emprego.

Quando o recrutador te selecionar para participar de um processo seletivo, é hora de mandar bem! Mas você sabe como deve se portar, o que deve falar, como responder às questões durante sua entrevista? Ai vai 10 dicas de como se portar em uma entrevista de emprego.

1 – Seja pontual

Apesar de ser um item básico, não custa reforçar. É fundamental se programar para chegar na hora marcada para sua entrevista. Mas se algo der errado, surgir algum imprevisto que vai impedir você de chegar na horta marcada, avise com o maior tempo possível de antecedência. Essa atitude demonstra respeito com o entrevistador, e com certeza será avaliada.

2 – Demonstre interesse

Isso é fundamental para se dar bem em uma entrevista. Então, procure sempre estar com todas as informações relativas ao cargo oferecido, à organização, seus produtos e serviços, além de outras informações que você achar relevante saber. A internet é sempre uma boa fonte de pesquisa. Navegue pelo site da empresa, procure seu perfil nas Redes Sociais, e já vá pensando no que você poderá agregar de positivo, pois esta pode ser uma pergunta do seu recrutador.

3 – Atenção ao seu vestuário

Uma entrevista de emprego é muito diferente de se aprontar para uma balada ou um happy hour com os amigos. Por isso, fique atento ao Dress Code empresarial (uma espécie de código de vestimenta) que as empresas têm. Quando chamado para uma entrevista de emprego, escolha as roupas corretamente, buscando sempre adequar-se a ele.

Calça e camisa social para homens, e blusas sociais, saia na altura dos joelhos e sapatos discretos para as mulheres, são sempre boas escolhas. Outra dica muito importante é evitar usar muito perfume ou fragrâncias muito fortes.

4 – Seja sincero e não minta

Essa regra serve para tudo na vida, e numa entrevista de emprego não é diferente! Não tente aumentar ou mentir sobre nenhuma informação. Além de ser arriscado, você pode cair em contradição. O entrevistador costuma ser treinado para perceber justamente este tipo de manobra, o que pode afetar sua credibilidade.

A sinceridade é outra dica pra lá de importante! Não invente competências que você não tem, tampouco fale de experiências profissionais que não adquiriu. Mentir no processo seletivo pode te prejudicar futuramente, principalmente se for ocupar um cargo em que não está preparado para exercer.

5 – Fale de sua carreira, de suas paixões, mas não fale demais

Parece contraditório, mas a gente vai te explicar melhor: apresente ao recrutador exemplos de como você trabalha, como resolveu determinado problema na empresa, quais resultados você gerou. Isso vai dar uma ideia a ele do seu comportamento profissional.

É comum, ainda, que você seja perguntado sobre suas paixões e motivações. Isso é uma forma de mensurar o que te motiva a seguir em frente. Sendo assim, cite algumas das suas paixões e como elas podem influenciar positivamente na sua performance no trabalho.

E mesmo se a entrevista tiver um clima descontraído, evite falar demais sobre você. É que esse tipo de conduta pode fazer com que você se exponha demais, tire o foco da entrevista, além de poder criar uma imagem de egocentrismo, o que causará uma impressão ruim ao entrevistador.

6 – Não esconda seus defeitos nem suas limitações

Não somos seres perfeitos. Temos limitações, como qualquer ser humano. Por isso, durante a entrevista, não tente se passar por alguém livre de defeitos. Isso é uma prova autêntica de que você não está sendo sincero. Ao falar das suas limitações, fale o que tem feito para superá-las, afinal, além da honestidade e sinceridade, mostrará que você se conhece e busca ser uma pessoa melhor a cada dia.

7 – Monitore sua linguagem corporal

O corpo fala (tem até um livro sobre esse assunto: “O corpo fala: a linguagem silenciosa da comunicação não verbal”, de Pierre Weil. Vale a leitura para você entender melhor sobre isso!). A linguagem corporal fala muito sobre você. Por exemplo: Ficar de braços cruzados pode demonstrar que você está com medo; permanecer inquieto, mexendo constantemente nas mãos ou nos cabelos, é sinal de insegurança e ansiedade.

Então, mantenha a postura ereta, faça contato visual com o entrevistador, cumprimente-o com um sorriso e não cruze os braços. É ideal manter uma expressão neutra e serena.

8 – Suas Redes Sociais falam muito sobre você

Hoje em dia, tem se tornado comum que as empresas busquem pelo perfil do candidato nas redes sociais. Isso pode acontecer antes ou depois de uma entrevista. Por isso, ter uma boa imagem nas redes é essencial. Vale lembrar que todo o seu comportamento online pode ser avaliado (a linguagem que você usa, o teor das suas publicações, entre outros).

9 – Faça perguntas relevantes

Na maioria as entrevistas, o recrutador vai te perguntar se você tem alguma questão que quer esclarecer. Neste momento, demonstre interesse e conhecimento fazendo uma pergunta bem construída. Isso pode te destacar em todo o processo.

10 – Não discuta pontos de vista com o entrevistador

O objetivo de uma entrevista é conhecer seu perfil profissional, não participar de uma mesa redonda sobre futebol ou política, por exemplo. Se isso acontecer, demonstre sua posição de forma gentil, com precisão, exemplos claros e referências conhecidas.

Essa dica é importante por que, ao propor essa discussão, o entrevistador pode apenas querer testar seu temperamento e controle emocional. Pequenos detalhes podem decidir sua contratação.

A gente espera que essas dicas te ajudem na hora da entrevista. Fique atento que logo teremos mais textos bacanas para compartilharmos com você.


De : Bruno Ferreira - blog unis

0 comentário

Comentarios


bottom of page